CYPEFIRE

Âmbito de aplicação e normas implementadas

Com o CYPEFIRE é possível conceber instalações de proteção contra incêndios para projetos industriais e de edificação.

Atualmente, o CYPEFIRE tem implementadas as seguintes normas:

  • Regulamento espanhol RSCIEI (para projetos industriais)
  • Código espanhol CTE – DB SI (para projetos de edificação)

Começar a trabalhar

Para começar a trabalhar com o programa, deve-se criar um novo ficheiro e conectá-lo o a um projeto BIM existente na plataforma BIMserver.center. Este modelo BIM pode conter um modelo com a estrutura do edifício.

A introdução de dados no CYPEFIRE é realizada em ambiente 3D.

Compartimentação interior

A sectorização é um dos elementos principais na luta contra a propagação de um incêndio.

O CYPEFIRE permite a realização da sectorização contra os incêndios como meio de proteção passiva. Estes espaços serão separados do resto dos compartimentos por elementos de construção resistentes ao fogo durante um certo período de tempo. O objetivo da sectorização é evitar a propagação do fogo de um sector para os restantes.

A aplicação distingue entre os seguintes tipos de compartimentos:

  • Sectores de incêndio
  • Locais de risco
  • Escadas
  • Câmaras corta-fogo
  • Unidades de utilização

Propagação exterior

Um dos fatores mais perigosos na eventualidade de um incêndio é a propagação exterior do fogo a outros pisos. Para minimizar esta possibilidade, o CYPEFIRE inclui uma série de verificações mínimas de distâncias e obstáculos para evitar a rápida propagação do incêndio pelo exterior.

O CYPEFIRE distingue 3 tipos de propagação exterior que podem ser verificadas:

  • Propagação horizontal
    Medidas e distâncias mínimas necessárias para evitar a propagação do incêndio entre fachadas viradas uma para a outra, dependendo do ângulo entre elas.
  • Propagação vertical
    Medidas e distâncias mínimas necessárias para evitar a propagação do incêndio aos pisos superiores do edifício.
  • Propagação cobertura-fachada
    Medidas e distâncias mínimas necessárias para evitar a propagação do incêndio através da cobertura para uma fachada próxima.

Evacuação

As verificações relativas à evacuação das diferentes zonas dos edifícios e estabelecimentos são as medidas principais para salvaguardar a vida dos ocupantes e trabalhadores. O CYPEFIRE dispõe de todas as ferramentas possíveis para verificar e conceber as vias necessárias para a evacuação.

As ferramentas principais do programa para verificar e conceber vias de evacuação são os seguintes:

  • Vias de evacuação
    Através da disposição das vias de evacuação definem-se os percursos para cumprir as distâncias e o número de saídas mínimas definidas no projeto.
  • Saídas
    Os diferentes tipos de saídas (“Saída de piso” e “Saída de local de risco”) definem o final de um tipo de via de evacuação.
  • Escadas
    Consoante o tipo de projeto, é necessário um número mínimo de escadas com proteção adequada para realizar a evacuação do edifício.

Equipamentos das instalações

Os edifícios e estabelecimentos industriais devem dispor das instalações de proteção contra incêndios necessárias para permitir a deteção, controlo e extinção do incêndio, de acordo com as características dos sectores.

A norma espanhola implementada contempla o nível mínimo de proteção dos equipamentos e instalações de proteção contra incêndios em cada projeto, cumprindo assim os requisitos do regulamento espanhol RIPCI. A conceção, execução, colocação em funcionamento e manutenção destes equipamentos é realizada em conformidade com o RIPCI. Estes equipamentos de proteção contra incêndios são:

  • Extintores
  • Bocas de incêndio armadas
  • Instalação de extinção automática
  • Sistema de deteção e alarme
  • Hidrantes
  • Coluna seca

Intervenção dos bombeiros

O programa dispõe de duas ferramentas que permitem realizar as verificações relativas à acessibilidade dos bombeiros até ao local do incêndio

  • Via de acesso
    A via de acesso com as características geométricas e de resistência propostas pela norma, para que o veículo de combate a incêndios seja capaz de alcançar o edifício.
  • Espaço de manobra
    Um espaço de manobra próximo do edifício que permita ao veículo dos bombeiros situar-se na melhor posição para extinguir o incêndio ou evacuar os ocupantes através da fachada.

Documentação

O CYPEFIRE gera a documentação para a justificação do planeamento do controlo de qualidade e exporta-a para o projeto BIM, da plataforma BIMserver.center, com o qual a obra está conectada.

Licença de utilização

É necessário que a licença de utilização tenha as permissões correspondentes para este programa.